Pular para o conteúdo

Imagem da Semana (Semana 2 – 2014/2)

11/08/2014

kkkk

“Quando o senhor, também conhecido como deus, se apercebeu de que a adão e eva, perfeitos em tudo o que apresentavam à vista, não lhes saía uma palavra da boca nem emitiam ao menos um simples som primário que fosse, teve de ficar irritado consigo mesmo, uma vez que não havia mais ninguém no jardim do éden a quem pudesse responsabilizar pela gravíssima falta, quando os outros animais, produtos, todos eles, tal como os dois humanos, do faça-se divino, uns por meio de mugidos e rugidos, outros por roncos, chilreios, assobios e cacarejos, desfrutavam já de voz própria. Num acesso de ira, surpreendente em quem tudo poderia ter solucionado com outro rápido fiat, correu para o casal e, um após outro, sem contemplações, sem meias-medidas, enfiou-les a língua pela garganta abaixo.”

Com este trecho, José Saramago inicia seu último livro lançado em vida – logo após sua morte, a família autorizou a publicação de Claraboia, romance rejeitado pelas editoras no início da carreira do autor. Caim é mais um bom exemplar das habilidades literárias do autor, figurando entre um dos projetos envolvendo personagens bíblicos – lembrando que Saramago era declaradamente ateu. Mas na Bíblia, quem foi Caim? A história se passa no livro de Gênesis, após a expulsão do primeiro casal, na religião cristã, dos jardins do Éden, Eva dá a luz a seu primogênito – Caim. Posteriormente este é agraciado com um irmão, chamado Abel. Ambos cresceram juntos, até, já com idade para tomar por decisão, Caim escolher por profissão ser lavrador. Por meio do fruto de seu trabalho, Caim atinge grande prestígio perante a elite da sociedade, seguindo um caminho um pouco diferente de seu irmão, que preferiu se tornar cuidador de um rebanho. Durante determinada passagem, ambos apresentam ofertas a Deus, tendo Caim apresentado alguns frutos colhidos da terra e Abel uma ovelha – sendo esta o melhor que seu rebanho tinha a oferecer. Deus, ao perceber o quanto havia do coração de cada um em suas oferendas, aceitou a de Abel, mas recusou as frutas de Caim. Possuído por ciúmes, vendo sua oferta sendo desmerecida, Caim convida Abel a um passeio no campo do qual este não mais voltaria. Nesse momento, Caim se tornaria autor do primeiro homicídio bíblico – palco para uma série de discussões, entre elas a violência primitiva do homem. Como pena a ser cumprida pela atitude, Caim foi resignado a vagar errante pelo mundo, indefinido em seu futuro e cercado por um deserto de homens. Lamentando a severidade de sua pena, Caim foi temente ao linchamento que sofreria por escopo vingativo, recebendo assim um sinal de Deus. Este sinal seria seu protetor, tomando por maldição a qualquer um que se atrevesse a causar injúria física a Caim – não apenas uma, mas sete vezes! Bem na verdade, este sinal é tema de especulação até os dias de hoje, uma vez que não foi especificado exatamente o que seria – se uma mancha, uma tatuagem, uma mudança na sua pele. A palavra hebraica que se encontra nos textos mais antigos, de onde foram traduzidos os que temos acesso atualmente, é ‘owth, e tem sentido de “sinal, marca ou símbolo”. Naturalmente, por ser a pele nosso cartão de visitas aos olhares alheios, maior órgão do corpo, manto cutâneo protetor de nossas intimidades mais frágeis: acabamos imaginando que tal alteração se trataria de um sinal impresso na pele de Caim. Imaginando que Caim tivesse uma ou mais manchas em seu rosto:

  1. Descreva as imagens, sugerindo UM possível diagnóstico diferencial para cada(escolha uma das imagens e explique o motivo pelo qual sugeriu determinado diagnóstico);
  2. Dentro da condição imposta ao final do texto – mais especificamente na última frase; qual destas imagens estaria mais próxima da lesão imaginada em Caim?  
Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: